Alfa

Viagens ressuscitam lembranças profundas na Alma…
Encontros, reencontros, desencontros…
Flashes relâmpagos do que foi… Traços poéticos gravados num túnel que nos ampara a velocidade que viajamos…
Paisagens que ilustram cenários de amores deixados e amores levados… Saudades esquecidas são despertadas pelo cerrar dos sentidos…
Paragens e carruagens cheias de memórias acendidas pelas linhas traçadas desde os primórdios da revolução industrial.
E o que uma simples viagem de comboio me fez recordar…

IMG_3504

Imagem: Alfa – Porto/Lisboa

…química que corre

…química que corre pelas veias invisíveis, de almas que se sentem
Sinto de mais
Assim sou
Assim vivo na ilusão dos corpos físicos
Sentindo a luz que somos
O amor que nos criou
A bênção de nos tocarmos na mais elevada vibração que posso sentir
Sinto como se ainda fosses uma camada de mim
Sentir tão delicadamente a tua vibração após o teu êxtase, deixa-me petrificada
Como se uma corrente eléctrica se apoderasse tão subtilmente por todo o meu ser
Privilegiada sou por tanto pormenor sentir
Até ao átomo toco e amo sem fim
Parece loucura, mas é amor
Obrigada vida por estes encontros tão raros
Tão preciosos
Tão cheios de vida
Que me enraízam
Que me fazem sentir viva, por poder amar até ao infinito da alma
E sentir a magnificência de dois corpos que se tornam num só no mais majestoso acto da criação
Onde os sons, libertados pelo prazer da química, percorrem as linhas etéricas que conduzem ao florir das pétalas dos centros que energizam o que Somos, são a verdadeira manifestação divina…
foto
 Imagem: Porto – Portugal